De há uns tempos para cá, tenho adquirido um gosto especial pela cozinha – mais especificamente, por fazer doces. Não é algo que faça com muita frequência, mas de vez em quando dá-me para isso, e aconteceu esta semana.

Sabem quando abrem o frigorífico e reparam que algo está perto da data de fim de validade? Pois, foi o que aconteceu neste dia. Reparei que os iogurtes estavam prestes a ficar incomestíveis e, de imediato, surgiu uma enorme vontade de os usar para fazer um bolo. E, claro, aproveitei logo para tirar fotografias e partilhar convosco a receita 😛

Este é dos bolos mais fáceis de fazer – é só misturar tudo numa taça. Além disso, é feito com ingredientes que, regra geral, todos temos em casa – e se não os tivermos, com certeza que conseguimos arranjar uma alternativa. Costumo fazer muitas vezes, mas hoje improvisei e alterei algumas coisas na receita que costumo fazer.

Tempo de preparação: 20 minutos
Tempo de cozedura: 40-45 minutos

FE586A4C-A9F9-4F36-9B92-91BA3B18D927.jpeg

INGREDIENTES

  – 350gr de farinha
  – 300gr de açúcar (eu só pus 250gr porque ia também adicionar uma banana)
  – 4 colheres de sopa de óleo (se usarem óleo de côco, reduzam um pouco a quantidade de açúcar)
  – 2 iogurtes, naturais ou com aroma
  – 5 ovos (usei 3 grandes e 1 médio, que é mais ou menos a mesma quantidade)
  – 1 colher de chá de fermento – se usarem farinha com fermento, ponham meia colher ou menos, apenas para terem a certeza de que o bolo cresce
  – 1 ou 2 cascas de limão (assim não fica enjoativo)
  – margarina para untar a forma do bolo
  – pitada de sal
  – canela (a gosto)

iPhone - Photo 2018-03-27 20_23_00.jpeg
1. Primeiro, unta-se a forma do bolo e põe-se o forno a pré-aquecer a 180ºC


2. De seguida, juntam-se todos os ingredientes, menos a farinha e a banana, numa taça. Mistura-se tudo com a batedeira. Costumo usar açúcar branco, mas desta vez optei por amarelo, já que dizem ser menos nocivo, e reduzi a quantidade, porque a banana tem imenso açúcar.
iPhone - Photo 2018-03-27 20_22_57.jpeg
3. Quando a mistura tiver um aspecto homogéneo, começa a adicionar-se a farinha, pouco a pouco, enquanto se mistura tudo com a batedeira.

4. Depois de tudo muito bem misturado, deita-se a mistura homogénea na forma, e coloca-se a banana (eu decidi cortar às rodelas) por cima.Também se podia misturar a banana na massa, mas optei por outra via.
5. Coloca-se no forno, de preferência a meio. Eu mantive a temperatura a 180º, durante cerca de 45 minutos. Não se esqueçam do truque do palito, para ver se a massa está cozida.
iPhone - Photo 2018-03-27 20_23_06.jpeg
iPhone - Photo 2018-03-27 20_22_54.jpeg
iPhone - Photo 2018-03-27 20_23_04.jpeg

Et voilà!! Digam lá que não tem óptimo aspecto… e sabe ainda melhor, garanto. A banana dá-lhe um toque muito bom, acho que vou começar a adicionar sempre uma. A minha avó aprova, e o resto da família também! Success
Espero que tenham gostado desta rápida e fácil receita. Se experimentarem, digam-me o que acharam e se correu bem! Ah, e claro, se tiverem alguma sugestão ou pedido para outras receitas, deixem nos comentários ↓
P.S. há ali um bocadinho que ficou queimado – é eu costumo queimar os bolos e as torradas, portanto é só a Vanessa a ser a Vanessa…

Sugestão: acompanhar com fruta mais ácida, o contraste é óptimo!
D6FF292F-3C45-4528-A807-922F58D954CA.jpeg

Vanessa